Energia Solar

Maior usina de energia solar flutuante do mundo

3 julho, 2018

O rápido crescimento da China e sua dependência de formas de energia não renováveis, como o carvão, colocou o país na lista dos maiores responsáveis pela poluição da atmosfera terrestre. O país quer mudar esse cenário e para isso investe na produção de usina de energia solar.

Acompanhe o post de hoje e saiba como a China construiu a maior usina de energia solar flutuante do mundo.

 

Usina de energia solar flutuante

 

Em 2017 a China inaugurou a maior usina de energia solar do mundo. Localizada ao norte da província de Anhui em Huainan o local é um grande centro no segmento industrial. Antes o local era utilizado para mineração de carvão.

Devido às chuvas, pouco a pouco, os habitantes da região tiveram que deixar suas casas. O local ficou inundado com uma profundidade entre 4 a 10 metros.

A empresa chinesa Sungrow visualizou uma oportunidade e transformou, a permanente área inundada, na maior usina de energia solar flutuante do mundo.

Vantagens

Capaz de produzir até 40 megawatts de energia, a usina produz a quantidade suficiente para abastecer 300 mil habitantes.

A inundação enalteceu uma região que estava desvalorizada, visto o processo de mineração. Com essa situação o ar da superfície se tornou mais frio, o que minimiza o risco de superaquecimento dos painéis solares fotovoltaicos.

Todo esse investimento torna a China o país que mais produz energia solar no mundo, sendo 77 gigawatts no total. Já o Brasil, segundo a Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica, gera apenas 28 megawatts.

 

Gostou de saber mais sobre energia solar? Aproveite para conhecer 08 vantagens no seu uso.

 

banner cursos de energia solar